Risoto de alho poro passo a passo

O camarão é um produto hiper delicado então como eu recomendaria que você fizesse bom eu sugeriria que você separe as cascas da carne do camarão as cascas você lança um caldo cozinha o seu arroz nesse caldo pra ele já ter o gosto do crustáceo e aí separadamente você vai saltear o seu camarão e adicionar no fim do preparo porque se você cozinhar o seu camarão junto com o arroz ele vai passar do ponto e ficar muito mole e é muito desagradável agora vamos falar desse alho poro que eu vou fritar o pulo do gato pra você fritar cebola alho poró ou alho e ter um resultado final que é o legume douradinho crocante, mas não amargo porque de um modo geral esses são ingredientes que acabam tostando rapidamente o ideal é você polvilhar um pouco de farinha branca em cima pra na hora que você fritar essa farinha formar uma certa casquinha que vai proteger o legume de dourar demais e acabar ficando amargo.

Vou mostrar vou até interromper a explicação do alho poró para mostrar meu risoto está cozinhando devagarzinho fogo médio para baixo eu vou mexendo com delicadeza pra não sair quebrando todos os grãos de arroz e aí esse é um pouco o indício aqui que a gente tem em relação à absorção do caldo quando nosso risoto já está com esse aspecto aqui o caldo está quase 100% absorvido aqui só tem um pouquinho o arroz ainda falta cozimento aí eu sei que eu posso voltar a colocar caldo então o segredo é colocar farinha.

Aqui por cima direto sem ovo sem nada e aí você vai mexendo aqui com a cebola funciona super bem fazer isso alho alho cebola e alho poró sobretudo dá muito certo fazer isso aqui então a gente põe essa farinha enrola bem aqui e aí a gente também dá umas batidinhas assim ó para tirar também o excesso da farinha porque a gente quer só uma fina camada para garantir um bronze perfeito wow elisa esconde o caldo sumiu e apareceu um óleo quente aqui mas é que eu preciso dar meus pulsos aqui quando eu só tenho duas placas de indução mas o é o seguinte eu vou até Colocar esse oleo aqui pra frente pra mostrar pra vocês nosso risoto ta quase no jeito aqui então oleo 180graus a gente coloca aqui esse alho poro pra fritar enquanto o nosso alho poro frita a gente já prepara aqui um recipiente com um papel toalha para recolher bem todo o resto de gordura que vai ficar e vou provar esse ponto do risoto que eu acho que já está no jeito Timein perfeito.

Olha só ele ainda tem um pouco de caldo mas o cozimento já está bem próximo do que a gente deseja só falta finalizar então o alho poro começou a ficar marronzinho a gente já Vem com uma peneirinha aqui ou uma escumadeira e já pesca esse alho poro o segredo de toda a fritura é a gente salgar imediatamente depois que ela sai do calor porque esse resto de umidade que tem aqui em função do óleo e a temperatura vão fazer com que o sal grude na fritura porque nada pior do que batata com pouco sal certo ou qualquer outra fritura nosso risoto então já está bem próximo do ponto eu vou finalizar com o nosso alho poró reservado aqui pra ficar bem al dente uma última com concha de caldo e agora a gente pode entrar com nosso parmesão ralado e eu sugiro que é um outro truque que o seu parmesão esteja ralado bem bem bem fininho tipo num microplane assim sabe que é isso que vai fazer com que ele derreta bem rapidamente no risoto e acabe dando aquela liga que a gente está falando tanto Parmesão pra dentro E vamos incorporar esse queijo aqui.

Aí achei que ta miséria por mais e pra terminar de dar essa liga a gente vai vim com ela gloriosa estrela desse canal a manteiga e nesse caso ela tem que estar bem gelada que a gente vai colocar essa manteiga e vai mexer vigorosamente para montar o risoto e terminar essa textura essa liga maravilhosa mas se você é atento deve estar se perguntando ai cade o limão ela tinha falado que ia fazer risoto de alho poró com limão pois bem limão pra dentro.

Aqui estou colocando só as raspas a gente não precisa do suco mas se você quiser ainda mais ácido pode espremer gotinhas e quando a gente perceber que tem coisa de uma colher de sopa vamos dizer assim sobrando nas laterais aqui do nosso risoto é hora da gente entrar com a manteiga gelada manteiga gelada e agora eu desligo o fogo tiro o risoto do calor e é hora de colocar pouquinho em pouquinho a manteiga e aí você mexe vigorosamente porque o fato da gente mexer a manteiga no calor e fazer com que ela va derretendo aos poucos gera essa liga maravilhosa típica do risoto e mais um pouquinho de manteiga.

Mexe até incorporar a manteiga vai dando mais volume pro risoto aqui essa manteiga ela dá esse volume por causa do princípio da glaçagem quem é meu aluno no elisa ensina sabe do que estou falando a junção de caldo em alta temperatura e manteiga gelada mais movimento causa essa pequena emulsão que transforma qualquer textura num veludo maravilhoso vamos empratar?

Bom agora vamos empratar esse risoto é importante que ele tenha ainda um pouco de caldo para dar justamente essa suculência e agora a gente termina com o nosso alho poró crocante eu vou espalhar um pouquinho pelo prato e agora vou finalizar com umas ervinhas né porque eu sou dessas adoro dar uma Como diria minha mãe fazer umas 11 horas limãozinho e voilá.

Gente é isso acho que eu tentei passar pra vocês tudo que eu sei sobre o preparo do risoto para você não errar mas resumindo escolhe bem seu arroz não esquece do vinho tem que ser seco faz um bom caldo na hora de começar faz aquele nacrer do arroz e sobretudo emociona bem com queijo manteiga e aí depois é só Se você ficou na dúvida ainda se você atingiu esse ponto al dente do cozimento do arroz eu vou te mostrar dentro do grão tem que ter um pedacinho ainda branco que mostra que ele não está totalmente cozido ou cozido demais vem cá que eu vou te mostrar e aí você é atento o suficiente para perceber que temos luzinhas de natal aqui atrás pois é natal está chegando e esse canal está mais que pronto para te ensinar as minhas receitas de família então fica ligado e já se inscreve no canal compartilhe esse vídeo deixa seu like e até a próxima.

Deixe um comentário